ConrerpTV Linkedin

Partidos: sem memória e sem diálogo - Uma avaliação de Relações Públicas sobre o cenário Brasileiro

Publicado em 21 de Julho de 2016

4) oci_26.jpg

 

2) oci_21.jpg

"A pesquisa OCI intitulada 'Leitura Informal do Discurso Institucional dos Partidos Políticos Brasileiros', foi - finalmente - publicada EM PAPEL pelo jornal mensal 'Toda Palavra', de Niterói, na edição que começou a circular em 17 de julho. Este era o nosso intento, agora concretizado, por ser o infográfico resultante da pesquisa (vide imagem), a melhor forma de compreender seus preocupantes achados.


Os professores-doutores Carol Terra (ECA-USP) e Cristiano Henrique (ECO-UFRJ) referendaram as conclusões da pesquisa, a qual está atualíssima porque (A) dados sobre os 32 partidos hoje no Congresso Nacional foram levantados, e (B) o momento político atual confirma as hipóteses da pesquisa, qual sejam: (1) TODOS os partidos comunicam-se mal com a cidadania, e (2) os partidos, TODOS, não se distinguem uns dos outros perante o eleitorado, o que fundamenta a necessidade de total reforma do sistema político-eleitoral do país - um consenso nacional. 

Outro dado: a pesquisa coloca a análise feita por nós no mesmo patamar daquelas empreendidas por antropólogos, cientistas políticos, marketeers e sociólogos. Consideramos, aqui no OCI, que comunicólogos têm sido alijados dos debates de fundo no país, reservando-nos, a mídia, lugar na periferia das decisões de Estado e de Economia, e pautando-nos apenas para tratar de questões periféricas às decisões políticas e de negócios."   
  

Professor Manoel Marcondes é o idealizador do Observatório de Comunicação Institucional, professor renomado da UERJ e Conselheiro Suplente de nossa regional. 
 

O Observatório da Comunicação Institucional (O.C.I.) é uma ONG fundada por errepês e voltada para a análise crítica e a difusão de boas práticas de comunicação para indivíduos e organizações

Desde 2013, vimos mostrando em nosso portal, a empreendedores, administradores, profissionais de marketing e negócios em geral, a relevância da comunicação ''sobre si''.

 

Reconhecimento, relacionamento e reputação são os objetivos - embora isto ainda seja mal compreendido por muitos - da atuação de Relações Públicas, tanto como área de saber quanto de fazer.

 

Professores, estudantes, pesquisadores e estudiosos da comunicação nas organizações - em geral - são os nossos públicos preferenciais. É para essas pessoas que trabalhamos.

 

Conheça um pouco mais sobre o O.C.I. em: www.observatoriodacomunicacao.org.br


Faça seu registro

Manter seus dados atualizados no Conselho é uma forma de contribuir para o crescimento da sua profissão.
Fazer registro agora

Confira a listagem completa dos associados

DESTAQUES

Radar RP